Pages

 

21 agosto 2011

Exercícios Era Vargas

4 comentários
1) (Fac. Med. Marília-SP)- De profundos reflexos no desenvolvimento da história política do Brasil, existe um episódio conhecido pelo nome de Plano Cohen que consiste: a) na coligação de forças imperialistas que visavam impedir a proclamação da República, nos
fins do século XIX;
b) num documento forjado, denunciando uma fantasiosa implantação do comunismo no Brasil,
a fim de justificar um golpe de Estado para o continuísmo de Getúlio Vargas no poder;
c) no conjunto de propostas feitas pelo generais recém-chegados da Europa, ao fim da
Segunda Guerra Mundial, para a volta do Estado democrático no Brasil, dominado pela
ditadura de Vargas;
d) nas transformações administrativas necessárias à interiorização da capital federal para
Brasília;
e) em algo totalmente diferente do que foi escrito anteriormente.

2) (Cesgranrio) – O regime político conhecido como Estado Novo implantado por golpe do próprio presidente Getúlio Vargas, em 1937, pode ser associado à (ao);
a) radicalização política do período representada pela Aliança Nacional Libertadora, de
orientação comunista, e pela Ação Integralista Brasileira, de orientação fascista;
b) modernização econômica do país e seu conflito com as principais potências capitalistas do
mundo, que tentavam lhe barrar o desenvolvimento;
c) ascensão dos militares à direção dos principais órgãos públicos, porque já se delineava o
quadro da Segunda Guerra Mundial;
d) democratização da sociedade brasileira em decorrência da ascensão de novos grupos
sociais como os operários;
e) retorno das oligarquias agrárias ao poder, restaurando-se a Federação nos mesmos moldes
da República Velha.

3) (FUVEST-SP) – A política cultural do Estado Novo em relação aos intelectuais caracterizou- se: a) pela repressão indiscriminada, por serem os intelectuais considerados adversários de
regimes ditatoriais;
b) por um clima de ampla liberdade, pois o governo cortejava os intelectuais para obter apoio
ao seu projeto nacional;
c) pelas indiferença, pois os intelectuais não tinham expressão e o governo se baseava nas
forças militares;
d) pelo desinteresse com relação aos intelectuais, pois o governo se apoiava nos trabalhadores
sindicalizados;
e) por uma política seletiva através da qual só os adversários frontais do regime foram
reprimidos.
4) (UFMS)- O queremismo, movimento surgido no final do Estado Novo (1945), tinha como uma de suas finalidades: a) obter o fim da ditadura, afastando Getúlio Vargas do poder;
b) formar um governo forte, em substituição ao de Getúlio Vargas;
c) introduzir o parlamentarismo para controlar Getúlio Vargas;
d) manter Getúlio Vargas no governo, sob um novo regime constitucional;
e) instalar uma Assembléia Constituinte liderada pela União Democrática Nacional.

5) (Fuvest-SP) – O governo de Vargas, no período de 1937 a 1945, pode ser considerado: a) presidencialismo autocrático
b) parlamentarismo populista
c) presidencialismo democrático
d) parlamentarismo oligárquico
e) ditadura socialista

6) (Vunesp)- A revolução constitucionalista de 1032 foi impulsionada pela: a) Ação Integralista Brasileira, que procurou mobilizar a sociedade contra o fascismo europeu;
b) União dos estados de São Paulo, Mato Grosso e Rio de Janeiro;
c) Tentativa de reação da velha oligarquia paulista, apoiada, a príncípio, pela oligarquia de
Minas Gerais, contra o governo de Vargas;
d) Reação de base popular, buscando a reconstitucionalização imediata do país;
e) Contestação do Rio Grande do Sul, pelo regime dos interventores estaduais, adotado por
Getúlio Vargas.

4 comentários:

Anônimo disse...

Obrigada por postar questoes sobre a era vargas!!
Ajudou muito!

igor santana disse...

vlw!! ajudou muito

Anônimo disse...

Me Ajudou Muito !! se eu ganhar minha bolsa no mackenzie metade do crédito é de voceis vlw....

Anônimo disse...

ooooobg

Postar um comentário